ADAPTAÇÃO DE LENTES DE CONTATO

O objetivo das lentes de contato é proporcionar uma melhor visão no dia-a-dia e facilitar a prática de esportes. Elas são pequenos discos de material plástico, usados para corrigir miopia, hipermetropia, astigmatismo, presbiopia e para tratamento de ceratocone, uma afecção corneana que causa visão ruim não corrigível com óculos.

As lentes multifocais substituem os óculos para perto e possibilitam boa visão para longe.cuidados-lentes-de-contato

A superfície externa das lentes proporciona conforto e melhoria da visão, enquanto a posterior possibilita que elas fiquem bem posicionadas na córnea e flutuem na camada de lágrimas existente nos olhos. Quando a pessoa pisca as pálpebras movimentam as lentes levemente. Esse movimento faz com que as lágrimas fluam sob as lentes, removendo os resíduos que se acumulam embaixo delas, e forneçam nutrição, lubrificação e oxigênio à córnea.

O candidato ideal ao uso de lentes é aquele cujo organismo produz a quantidade adequada de lágrima, não tem infecções crônicas nas pálpebras ou na córnea e não sente dificuldade em manuseá-las.

O uso bem sucedido de lentes depende também da escolha de um oftalmologista conhecedor do assunto, da motivação durante o período de adaptação e da observância das instruções para seu uso e manutenção. Para os que têm maturidade para seguir as instruções, a idade não é um fator importante. Porém, entre os mais jovens, a mudança de grau é mais freqüente ocasionando maior necessidade de acompanhamento e atualização das lentes.

Fonte site botelho.med.br